16 setembro 2010

The Darkness

Hey galere, aqui é o Leo Vasconcellos, tenho uma má notícia, meu pc queimou a placa mãe, então vou ficar um tempo sem poder postar direito porque não vou ter acesso às minhas discografias, mas tenho um prêmio de consolação: Eu tinha duas discografias (pequenas, é verdade) preparadas, então vou postá-las pra pelo menos não ficar parado...



The Darkness foi uma banda de hard rock inglesa formada em Lowestoft, Suffolk em 2000, originalmente composta do vocalista, guitarrista e pianista Justin Hawkins, seu irmão Dan Hawkins que era guitarrista e backing vocal, Frankie Poullain como baixista e Ed Graham na bateria. A banda lançou o albúm que foi número um do Reino Unido Permission to Land em julho de 2003, antes de Poullain ser substituido por Richie Edwards; então a banda lançou One Way Ticket to Hell... and Back em novembro de 2005, que alcançou número 11.



Seu albúm de estréia, Permission to Land, foi lançado direto na segunda posição no Reino Unido, em 7 de julho de 2003, antes de chegar ao número um e ficar lá por quatro semanas, vendendo 1.5 milhões de cópias no Reino Unido.
O sucesso do albúm levou-os a fazerem uma pesada turnê, incluindo a parte européia da turnê de verão do Metallica, Sanitarium, ainda em 2003. Eles então foram headliners no Carling Festival em 2004, a banda venceu três BRIT Awards em 2004 com o albúm, como Melhor Grupo, Melhor Grupo de Rock e Melhor Disco. Eles também venceram dois Kerrang! Awards em 2004 por Melhor Performance ao Vivo e Melhor Banda Britânica. O terceiro single do albúm, I Believe in a Thing Called Love, foi um sucesso substancial no Reino Unido.

1. "Black Shuck"
2. "Get Your Hands Off My Woman"
3. "Growing On Me"
4. "I Believe In A Thing Called Love"
5. "Love Is Only A Feeling"
6. "Givin' Up"
7. "Stuck In A Rut"
8. "Friday Night"
9. "Love On The Rocks With No Ice"
10. "Holding My Own"

2003 - Permission to Land




Em 23 de maio de 2005, o baixista Frankie Poullain deixou a banda durante a gravação do segundo albúm, One Way Ticket to Hell... and Back, aparentemente devido a diferenças musicais, embora ele tenha dito que foi excluído e forçado a deixar a banda. Em 13 de junho de 2005, Richie Edwards, anteriormente técnico de guitarra de Dan substituiu Frankie como baixista.
One Way Ticket, o primeiro single do segundo albúm foi lançado em 14 de novembro de 2005, estreando em oitavo no Reino Unido. O albúm em si foi lançado em 28 de novembro do mesmo ano, e não vendeu tão bem quanto seu predecessor, apesar de alcançar disco de platina.

1. "One Way Ticket"
2. "Knockers"
3. "Is It Just Me?"
4. "Dinner Lady Arms"
5. "Seemed Like A Good Idea at the Time"
6. "Hazel Eyes"
7. "Bald"
8. "Girlfriend"
9. "English Country Garden"
10. "Blind Man"


2005 - One Way Ticket to Hell... and Back


Em agosto de 2006, o vocalista Justin Hawkins entrou numa clínica de reabilitação para cuidar de sua saúde, o que fez a banda cancelar diversos shows. Ao mesmo tempo a banda confirmou que eles iriam começar a trabalhar em seu terceiro albúm, a ser lançado em 2007. Entretanto, em outubro de 2006, o jornal The Sun publicou que Justin estava deixando a banda depois de se recuperar de seus problemas com álcool e cocaína. O artigo dizia que a banda possivelmente continuaria sem ele, com Richie Edwards no vocal...

I Love it loud \,,/

09 setembro 2010

System Of A Down

Olá, eu sou o Washi, fui convidado a participar do blog, mas, vamos a parte que interessa, como estreia trago a discografia do System Of A Down.




System Of A Down é uma banda de Alternative Metal formada na California, Estados Unidos em 1994.

No inicio Serj Tankian conheceu Daron Malakian, em 1992, eles ficaram amigos, e formaram o Soil, uma banda de garagem. No Soil, a formação foi a seguinte: Serj Tankian, como vocal e teclado, Daron Malakian na guitarra, Dave Hakopyan no baixo e Domingo Laranio na bateria. Dave e Domingo saíram da banda por acreditarem que a banda não iria tão longe, mesmo depois de um show e algumas gravações.
Então, em 1994, Serj Tankian e o Daron mudaram o nome do Soil para System Of A Down (Nome veio de um poema feito pelo próprio Daron: "Victims of the Down" Shavo Odadjian - que até então era o Empresário - achou melhor deixar como "System" por motivos de melhor impacto).
Shavo Odadjian, deixou o cargo de empresário, assumindo o baixo, deixado pelo Dave Hakopyan. Logo depois o novo baterista foi Andy Khachaturian, e assim começaram o SOAD, começaram com demos como "P.I.G." e "Flake".
A primeira fita demo havia faixas como "Sugar", "P.L.U.C.K.", "Suitepee" (Tudo junto) e "DAM". A segunda fita: "Soil", "Honey" e "Temper". A terceira fita: "Peep-Hole", "Know" e "War?".
Em 1997, Andy Khachaturian abandona o lugar de baterista, por causa de uma lesão na mão, e foi chamado John Dolmayan para bateria, que não tinha contrato oficial, mas após alguns shows em clubes, conseguiu seu lugar na banda.
Em 1998, é lançado o album de estreia o "System Of A Down" com o lançamento a banda começou a abrir shows para bandas grandes como Slayer.
Em 2001, é lançado o album que fez o System disparar em 1º na Billboard, o album chamado de "Toxicity". Com grandes clássicos como: "Prison Song", "Chop Suey!", "Psycho", "Aerials" e a faixa-titulo "Toxicity"
Em 2002, é lançado "Steal This Album!" que foi composta por faixas não-terminadas do album "Toxicity".
No ano de 2003, a banda entrou em férias, só voltando em 2005, lançando um album duplo, "Mezmerize" e "Hypnotize" mas um foi lançado em maio e o outro lançado em novembro.
Em 2006, a banda então entra em Hiato, para cada membro trabalhar em outros projetos. O ultimo show foi na Flórida em 13 de agosto de 2006 em West Palm Beach, com os membros no final do show se curvando aos fãs em forma de agradecimento, dizendo: "Hoje será o último concerto depois de tantos anos juntos. Voltaremos em breve. Só não sabemos quando" (Malakian).


Só resta esperar o retorno dessa grande banda, até lá, por que não ouvir um System ? Então fico por aqui, compartilhando essa banda com vocês.


1. "Suite-Pee" (Malakian)
2. "Know" (Odadjian, Malakian, Tankian)
3. "Sugar" (Odadjian, Malakian)
4. "Suggestions" (Malakian)
5. "Spiders" (Malakian)
6. "DDevil" (Odadjian, Malakian)
7. "Soil" (Malakian)
8. "War?" (Malakian)
9. "Mind" (Odadjian, Malakian, Tankian)
10. "Peephole" (Malakian)
11. "CUBErt" (Malakian)
12. "Darts" (Malakian)
13. "P.L.U.C.K. (Politically Lying, Unholy, Cowardly Killers.)" (Malakian)
14. "Marmalade" (Malakian) [Edição Extra do Álbum]
15. "Störagéd" (Malakian) [Versão Japonesa do Álbum]





1. "Prison Song" (Malakian)
2. "Needles" (Tankian, Malakian)
3. "Deer Dance" (Malakian)
4. "Jet Pilot" (Odadjian, Malakian)
5. "X" (Malakian)
6. "Chop Suey!" (Malakian)
7. "Bounce" (Malakian, Odadjian)
8. "Forest" (Malakian)
9. "ATWA" (Malakian)
10. "Science" (Malakian)
11. "Shimmy" (Tankian_
12. "Toxicity" (Malakian, Odadjian)
13. "Psycho" (Malakian)
14. "Aerials" (Malakian)





1. "Chic 'n' Stu" (Malakian)
2. "Innervision" (Malakian, Tankian)
3. "Bubbles" (Malakian)
4. "Boom!" (Malakian)
5. "Nüguns" (Malakian)
6. "A.D.D. (American Dream Denial)" (Malakian)
7. "Mr. Jack" (Malakian)
8. "I-E-A-I-A-I-O" (Tankian, Malakian, Odadjian, Dolmayan)
9. "36" (Malakian)
10. "Pictures" (Malakian)
11. "Highway Song" (Malakian)
12. "Fuck the System" (Tankian, Malakian)
13. "Ego Brain" (Tankian, Malakian)
14. "Thetawaves" (Malakian)
15. "Roulette" (Malakian, Tankian)
16. "Streamline" (Malakian)





1. "Soldier Side (Intro)" (Malakian)
2. "B.Y.O.B." (Malakian, Tankian)
3. "Revenga" (Malakian, Tankian)
4. "Cigaro" (Malakian, Tankian)
5. "Radio/Video" (Malakian)
6. "This Cocaine Makes Me Feel Like I'm On This Song" (Malakian, Tankian)
7. "Violent Pornography" (Malakian)
8. "Question!" (Malakian, Tankian)
9. "Sad Statue" (Malakian, Tankian)
10. "Old School Hollywood" (Malakian)
11. "Lost In Hollywood" (Malakian)





1. "Attack" (Tankian, Malakian)
2. "Dreaming" (Tankian, Malakian, Odadjian)
3. "Kill Rock 'n Roll" (Malakian)
4. "Hypnotize" (Tankian, Malakian)
5. "Stealing Society" (Tankian, Malakian)
6. "Tentative" (Tankian, Malakian)
7. "U-Fig" (Tankian, Malakian, Odadjian)
8. "Holy Mountains" (Tankian, Malakian)
9. "Vicinity Of Obscenity" (Tankian)
10. "She's Like Heroin" (Malakian)
11. "Lonely Day" (Malakian)
12. "Soldier Side" (Malakian)

06 setembro 2010

Stone Sour

Hail!
Devido ao apelo do Leo Vasconcellos decidi voltar também ao Blog, vou tentar postar o máximo que conseguir no meu tempo livre. Mas então, é praticamente isso que o Leo disse e vamos ao up de hoje.

Stone Sour é uma banda Norte-Americana formada em Iowa em 1992.
A banda foi formada por Corey Taylor e James Root, até 1994 a banda sofreu diversas mudanças de formação, mesmo assim a banda gravou duas demos, uma em 1994 e outra em 1996.

Em 1997 a banda quase teve seu fim pois Corey entrou para o recém criado Slipknot, um ano depois James também entrou para o Slipknot e assim começou o hiato da banda. Esse hiato teve fim em 2002, onde Corey (Vocal) e James (Guitarra Solo) se reuniram de volta juntamente com Josh Rand (Guitarra Ritmo), Shawn Economaki (Baixo) e Joel Ekman (Bateria) e gravaram seu primero álbum chamado "Stone Sour", o álbum fez muito sucesso com uma ajuda do filme "Homem Aranha" que teve a música "Bother" em sua trilha sonora, com isso fizeram um tour de 6 meses e depois entraram novamente em hiato em 2003 pois Corey e James voltaram para o Slipknot para gravar um novo álbum e fazer um um novo tour.

Em 2005 Joel deixa a banda pois seu filho foi diagnosticado com câncer no cérebro, assim dando o lugar a Roy Mayorga(Ex- Soufly).

Em 2006 a banda volta e grava um novo álbum intitulado "Come What(ever) May" logo após começam um novo tour agora de 1 ano e meio e gravam o DVD "Live in Moscow". O grande sucesso deste álbum foi a música "Through Glass" Novamente a banda entra em um pequeno Hiato.

A banda em 2009 e começa a gravar o recém lançado álbum "Audio Secrecy" que tem como primeiro single a música "Say You'll Haunt Me".


2002 - Stone Sour




01 - "Get Inside"
02 - "Orchids"
03 - "Cold Reader"
04 - "Blotter"
05 - "Choose"
06 - "Monolith"
07 - "Inhale"
09 - "Blue Study"
10 - "Take a Number"
11 - "Idle Hands"
12 - "Tumult"
13 - "Omega"
14 - "Rules of Evidence"
15 - "The Wicked"
16 - "Inside the Cynic"
17 - "Kill Everybody"
18 - "Road Hogs"




2006 - Come What(ever) May




01 - "30/30-150"
02 - "Come What(ever) May"
03 - "Hell & Consequences"
04 - "Sillyworld"
05 - "Made of Scars"
06 - "Reborn"
07 - "Your God"
09 - "Socio"
10 - "1st Person"
11 - "Cardiff"
12 - "Zzyzx Rd."
13 - "Suffer"
14 - "Fruitcake"
15 - "The Day I Let Go"
16 - "Freeze Dry Seal"
17 - "Wicked Game" (Chris Isaak cover)
18 - "The Frozen"




2010 - Audio Secrecy




1 - "Audio Secrecy" (Instrumental)
2 - "Mission Statement"
3 - "Digital (Did You Tell)"
5 - "Dying"
6 - "Let's Be Honest"
7 - "Unfinished"
8 - "Hesitate"
9 - "Nylon 6/6"
10 - "Miracles"
11 - "Pieces"
12 - "The Bitter End"
13 - "Imperfect"
14 - "Threadbare"
15 - "Hate Not Gone"
16 - "Anna"
17 - "Home Again"




Para quem estiver interessado também coloquei para download as duas primeiras demos da banda, segue o link:

04 setembro 2010

The Answer


Howdy! Faz tempo pra caralho né?
Desculpem por esse abandono, mas um dos três patetas (o Vítor) abandonou o barco e eu e o Tegeó mantivemos essa suruba funcionando enquanto deu, mas daí veio faculdades e coisa e tal e jogou água no nosso chopp, anyway, desculpas à parte, vou tentar revitalizar essa budega nem que seja sozinho, talvez mais pra frente eu consiga novos colegas. O post de hoje vai ser sobre The Answer.

The Answer é uma banda irlandesa de hard rock e blues rock formada em Newcastle e Downpatrick, County Down, Irlanda do Norte, que alcançou sucesso com seu album de estréia, Rise, de 2006.
A banda foi formada em 2000 pelo guitarrista Paul Mahon, que comentou da idéia com seu amigo do colegial Micky Waters, um baixista que já tocara em diversas bandas de cover em Belfast. Para os vocais chamaram o jovem e habilidoso cantor de blues Cormac Neeson, que naquela época havia se mudado da Irlanda para New York para tentar a sorte como cantor, mas que retornou assim que soube dos planos dos dois amigos, os três começaram a trabalhar as composições juntos mas ainda faltava algo...
James Heatley foi então recrutado para assumir as baquetas no The Answer, mas estava realizando seus exames finais na faculdade, então Micky e Paul esperaram que James se graduasse em psicologia, para então adicionar o último ingrediente da mistura.

Por conta da graduação de Heatley, a banda demorou 6 anos entre sua formação e o lançamento do cd de estréia, que fez a banda ser eleita em 2005 a banda revelação com apenas um single lançado, começam a abrir show do Deep Purple e lançam mais um single, até que em 2006 dão à luz a Rise, eleito o albúm do ano por diversas publicações especializadas.
Começam então a ser convocados para diversos festivais na Europa, tocando com medalhões do naipe de Whitesnake, Paul Rodgers e Aerosmith, depois, em 2007, lançam o disco Rise em edição dupla, com suas b-sides, outtakes, covers e outras faixas-bônus.
Em 2008 lançam um disco ao vivo: "Live at Planet Rock Xmas Party", a banda demonstra que não é um time que "só joga em casa" e acaba com quaisquer dúvidas sobre sua qualidade, arrebanhando diversos fãs famosos, entre eles Paul Rodgers que canta uma música em parceria com Cormac.
2009 é o ano de seu último lançamento - até o momento - o excelente Eevryday Demons, com um som um pouco mais cru que o primeiro disco, a banda mantém as composições de qualidade e já é considerada uma das melhores bandas da década.




Disco 1
1."Under the Sky"
2."Never Too Late"
3."Come Follow Me"
4."Be What You Want"
5."Memphis Water"
6."No Questions Asked"
7."Into the Gutter"
8."Sometimes Your Love"
9."Leavin' Today"
10."Preachin'"
11."Always"
Disco 2
1."Keep Believin'" (Unreleased Chris Sheldon Version)
2."I Won't Let You Down" (Unreleased Version From Rise Sessions)
3."Sweet Emotion" (From the Kerrang! 25 Year CD)
4."Doctor" (Unreleased Version From Rise Sessions)
5."So Cold" (Unreleased Version From Rise Sessions)
6."Rock Bottom Blues" (B Side)
7."Some Unity" (B Side)
8."No Questions Asked" (Live Session Version)
9."Into The Gutter" (Acoustic Session)
10."Only The Strong Survive" (Unreleased Version From Rise Sessions)
11."Not Listening" (Unreleased Version From Rise Sessions)
12."Come Follow Me" (Live in Tokyo)
13."Sometimes Your Love" (Live in Tokyo)
14."Be What You Want - Moment/Jam" (Live in Tokyo)
15."Take It Easy" (Unreleased Version From Rise Sessions)


2006 - Rise - CD 1
2006 - Rise - CD 2




1."Never Too Late"
2."Revolutions"
3."Come Follow Me"
4."All I Know"
5."Keep Believin'"
6."I'm A Mover"
7."Sometimes Your Love"
8."Under The Sky"
9."The Hunter"
10."Preachin'"


2008 - Live at Planet Rock Xmas Party




1."Demon Eyes"
2."Too Far Gone"
3."On And On"
4."Cry Out"
5."Why'd You Change Your Mind"
6."Pride"
7."Walkin' Mat"
8."Tonight"
9."Dead Of The Night"
10."Comfort Zone"
11."Evil Man"


2009 - Everyday Demons


Em tempo: sobraram duas faixas avulsas que eu tinha aqui e só vi depois de upar a discografia, daí tive que upar separado, pra quem quiser, tá aqui:
The Answer - Faixas Bônus


I love it loud... \,,/

07 março 2010

Iced Earth



Banda de power/thrash/heavy metal estadunidense formada em 1984.
Em 1985 Jon Schaffer(guitarra) então com 16 anos, formou o The Rose, apesar de o nome logo ser mudado para Purgatory. Logo que a formação se tornou mais estável, a banda começou a gravar demos, no começo bastante precários, mas que se tornaram de melhor qualidade depois de um tempo, era a própria banda que fazia os encartes e gravava as músicas num gravador, o que limitava sua qualidade. A performance ao vivo da banda também logo se tornou famosa, a banda usava diversos recursos para dar à platéia um show tanto musical quanto visualmente, usando de fogos de artifício, fantasias, derramamentos de sangue falsos e etc.



No começo de 1988 Schaffer descobriu que havia outra banda com o nome Purgatory, que já havia assinado contrato, o que o forçava a mudar o nome de sua banda, lembrando-se de seu amigo, falecido em um acidente de moto e que vivia insistindo no nome Iced Earth, e assim foi. Jon então decidiu que era hora de a banda começar a trilhar a carreira profissional, a banda então gravou Enter the Realm, a demo teve uma tiragem de 1000 cópias, sendo 500 para promoção e 500 vendidas para fãs(sortudos), a banda conseguiu vários endereços de gravadoras e enviou as demos para elas pelo correio, na Europa e Estados Unidos, a banda começou a ser bem comentada, especialmente na Alemanha, em 1990 a Century Media assinou contrato com a banda.

1. "Enter the Realm" (instrumental)
2. "Colors" (Schaffer)
3. "Nightmares" (Schaffer)
4. "Curse the Sky" (Schaffer)
5. "Solitude" (instrumental)
6. "Iced Earth" (Schaffer)


1988 - Enter the Realm




O próximo passo depois de assinar o contrato seria gravar um disco completo, o disco de estréia homônimo do Iced Earth saiu em 1990 na Europa e em 1991 nos Estados Unidos, Jon viajou para a Europa em 1990 para promover o albúm e viu que sua banda já havia criado certo nome, na Europa, Jon conheceu Hansi Kursch(deus) vocalista da banda alemã Blind Guardian, logo se tornaram grandes amigos fazendo planos de fazerem turnês com suas bandas juntos. Logo em 1991 o Iced Earth já abria os shows da primeira turnê do Blind Guardian como headliners, na volta da turnê Jon começou a trabalhar no segundo albúm da banda e percebeu que teria de haver algumas mudanças no line-up da banda para ela acompanhar a evolução pretendida por ele, assim o baterista e o vocalista saíram e a banda entrou em estúdio, apesar das críticas, Jon manteve a mudança, decidido a definir o rumo criativo de sua banda.

1. "Iced Earth" (Jon Schaffer)
2. "Written on the Walls" (Gene Adam)
3. "Colors" (Schaffer)
4. "Curse the Sky" (Schaffer)
5. "Life and Death" (Schaffer)
6. "Solitude" (instrumental)
7. "Funeral" (instrumental)
8. "When the Night Falls" (Schaffer)


1991 - Iced Earth




Jon e a banda lançaram seu segundo albúm 12 meses após o lançamento do primeiro, conseguindo ainda mais sucesso e passando com louvor no "teste do segundo albúm", esse disco foi melhor recebido do que o primeiro em solo estadunidense, e chegou até mesmo ao mercado japonês, com músicas sendo tocadas regularmente pelas rádios de lá, novamente o Iced Earth foi à Europa fazer nova turnê com o Blind Guardian, turnê maior que a primeira, visto que as bandas haviam crescido, entretanto a banda não conseguia faturamento, todos os lucros iam parar nos bolsos da gravadora, que usava o dinheiro inclusive para pagar dívidas de outros maus negócios que ela já fizera, e os membros da banda tinham até mesmo dificuldades em se manter, insatisfeito, Jon exigiu que o contrato fosse renegociado antes de entrar em estúdio novamente.

1. "Angels Holocaust" (Jon Schaffer)
2."Stormrider" (Schaffer)
3."The Path I Choose" (Schaffer)
4."Before the Vision" (Schaffer)
5."Mystical End" (Schaffer)
6."Desert Rain" (Schaffer)
7."Pure Evil" (Schaffer)
8."Reaching the End" (Schaffer)
9. "Travel in Stygian" (Schaffer)


1992 - Night of the Stormrider




Após o sucesso de Night of the Stormrider, a banda passava além dos problemas com a gravadora, com problemas na formação, apesar de John Greely ser um grande vocalista, também era uma pessoa muito difícil de lidar, assim, ele foi demitido e em seu lugar a banda trouxe Matthew Barlow, durante todos esses percalços, Jon seguiu compondo o terceiro albúm da banda, por tudo isso, o albúm saiu bastante sombrio e amargo, e foi lançado apenas três anos depois em 1995, e teve como ponto alto do albúm a faixa Dante's Inferno, de 16 minutos com várias mudanças de andamento, riffs e etc, foi uma alegre surpresa em relação ao que a banda vinha fazendo

1. "Burnt Offerings" (Jon Schaffer)
2. "Last December" (Schaffer)
3. "Diary" (Matthew Barlow)
4. "Brainwashed" (Schaffer)
5. "Burning Oasis" (Schaffer)
6. "Creator Failure" (Schaffer)
7. "The Pierced Spirit" (Schaffer)
8. "Dante's Inferno" (Schaffer)


1995 - Burnt Offerings




Após o lançamento de Burnt Offerings, Jon Schaffer teve a idéia de fazer um albúm conceitual usando como tema o personagem Spawn de Todd McFarlane, e assim foi feito quando foi gravado The Dark Saga, a repercussão do disco voltou a classificar a banda como de primeiro escalão, graças a esse albúm a banda teve a primeira oportunidade de fazer uma turnê em larga escala e ela tocou em todo lugar que teve chance, também durante essa turnês, Jon Schaffer danificou três vértebras do pescoço e teve que continuar tocando sob uma tremenda dor, sem querer parar para se tratar, também nessa época o guitarrista solo Randy Shawver decidiu deixar a banda para explorar outros aspectos da sua vida e para seu lugar foi chamado Larry Tamowski.

1. "Dark Saga" (Jon Schaffer)
2. "I Died for You" (Schaffer)
3. "Violate" (Schaffer)
4. "The Hunter" (Schaffer)
5. "The Last Laugh" (Matthew Barlow)
6. "Depths of Hell" (Al Simmons)
7. "Vengeance Is Mine" (Barlow)
8. "Scarred" (Schaffer)
9. "Slave to the Dark" (Schaffer)
10. "A Question of Heaven" (Schaffer)


1996 - The Dark Saga




Em junho de 1998 sai Something Wicked This Way Comes, que foi extremamente bem recebido desde o princípio, ficando no top 20 dos albúns mais vendidos na Alemanha, a banda então se lançou em turnê tocando em diversos festivais importantes da Europa, como o Dynamo Festival e o Bang Your Head, e chegou até a ser Headliner no Wacken Open Air, maior festival de metal do mundo, a banda também excursionou pelos Estados Unidos e pela primeira vez fez show nos Canadá.

1."Burning Times" (Matthew Barlow, Jon Schaffer)
2. "Melancholy (Holy Martyr)" (Schaffer)
3. "Disciples of the Lie" (Schaffer)
4. "Watching Over Me" (Schaffer)
5. "Stand Alone" (Barlow, Schaffer)
6. "Consequences" (Schaffer)
7. "My Own Savior" (Barlow, Schaffer, Jim Morris)
8. "Reaping Stone" (Barlow, Schaffer, James MacDonough)
9. "1776" (Schaffer)
10. "Blessed Are You" (Schaffer)
11. "Prophecy" (Schaffer)
12. "Birth of the Wicked" (Schaffer)
13. "The Coming Curse" (Schaffer)


1998 - Something Wicked This Way Comes




Depois de tanta coisa, Jon decidiu que era hora de gravar um disco ao vivo, e escolheu a Grécia para tal devido ao afeto e entusiasmo que já havia surpreendido Jon em turnês anteriores em solo grego, Jon queria que o albúm fosse condizente com o tratamento dispensado pelos fãs gregos à banda portanto a banda fez duas noites de shows tocando sets diferentes em cada noite, o que lhes deu um total de 30 músicas para aproveitar no albúm, nascia Alive in Anthens, que chegou a ganhar disco de ouro na Grécia, fato inédito desde 1992 em que Fear of the Dark do Iron Maiden havia alcançado tal feito. Então Jon decidiu fazer uma pausa no Iced Earth e junto com Hansi Kursch, seu amigo e vocalista do Blind Guardian, ele começou a trabalhar em um projeto paralelo de ambos chamado Demons & Wizards, que surgiu de algumas canções escritas por eles em conjunto anos antes, o resultado foi um albúm homônimo amplamente elogiado pela crítica, e uma turnê européia que culminou com a abertura de um show para o Iron Maiden no festival Gods of Metal e a nomeação para o Echo Awards (equivalente ao Grammy na Alemanha).

Disco 1
1. "Burning Times"
2. "Vengeance Is Mine"
3. "Pure Evil"
4. "My Own Savior"
5. "Melancholy (Holy Martyr)"
6. "Dante's Inferno"
7. "The Hunter"
8. "Travel in Stygian"
9. "Slave to the Dark"
10. "A Question of Heaven"
Disco 2
1. "Dark Saga"
2. "The Last Laugh"
3. "Last December"
4. "Watching Over Me"
5. "Angels Holocaust"
6. "Stormrider"
7. "The Path I Choose"
8. "I Died for You"
9. "Prophecy"
10. "Birth of the Wicked"
11. "The Coming Curse"
12. "Iced Earth"
Disco 3
1. "Stand Alone"
2. "Cast in Stone"
3. "Desert Rain"
4. "Brainwashed"
5. "Disciples of the Lie"
6. "When the Night Falls"
7. "Diary"
8. "Blessed Are You"
9. "Violate"


1999 - Alive in Anthens - Disc I

1999 - Alive in Anthens - Disc II

1999 - Alive in Anthens - Disc III




Ainda em 1999 foi lançado The Melancholy EP, que continha três faixas da banda e dois covers, originalmente foram lançados apenas 1500 exemplares.

1. "Melancholy (Holy Martyr)" (Jon Schaffer)
2. "Shooting Star" (Cover de Bad Company) (Paul Rodgers)
3. "Watching Over Me" (Schaffer)
4. "Electric Funeral" (Cover de Black Sabbath) (Ozzy Osbourne, Tony Iommi, Geezer Butler, Bill Ward)
5. "I Died for You" (Schaffer)


1999 - The Melancholy EP




Após os show em Atenas, Jon voltou para os Estados Unidos para fazer as cirurgias no pescoço e logo estava compondo de novo, desta vez a idéia era fazer um albúm com uma temática voltada para histórias de terror, este elemento estivera bastante presente nos primórdios do Purgatory e sempre foram um interesse pessoal de Schaffer, assim em 2001 foi lançado The Horror Show, que manteve a ascenção da banda na Europa e Estados Unidos, o albúm debutou em 1º lugar na Grécia, além de se manter entre os mais vendidos em diversos países europeus. Como reconhecimento de seu trabalho, a banda foi convidada a ser a banda de abertura da turnê do Megadeth.

1. "Wolf" (inspirada no filme The Wolf Man)'Jon Schaffer'
2. "Damien" (inspirada na série de filmes The Omen)'Schaffer'
3. "Jack" (inspirada em Jack o Estripador) 'Matthew Barlow'
4. "Ghost of Freedom" (inspirada no filme O Patriota) 'Barlow, Schaffer'
5. "Im-Ho-Tep (Pharaoh's Curse)" (inspirada no filme A Múmia) 'Barlow'
6. "Jekyll & Hyde" (inspirada no livro The Strange Case of Dr. Jekyll and Mr. Hyde) 'Barlow'
7. "Dragon's Child" (inspirada no filme Creature from the Black Lagoon) 'Barlow'
8. "Transylvania" (Iron Maiden cover)(instrumental)
9. "Frankenstein" (inspirada no livro Frankenstein) 'Schaffer'
10. "Dracula" (inspirada no livro Dracula) 'Schaffer'
11. "The Phantom Opera Ghost" (inspirada na novela O Fantasma da Ópera) 'Schaffer'


2001 - The Horror Show




Enquanto se preparava para um turnê com o Megadeth, a banda terminou a gravação e lançou um CD tributo, Tribute to the Gods, que prestava reverências às bandas que haviam influenciado a sua carreira.

1. "Creatures of the Night" (Paul Stanley, Adam Mitchell) 'Kiss'
2. "The Number of the Beast" (Steve Harris) 'Iron Maiden'
3. "Highway to Hell" (Bon Scott, Angus Young, Malcolm Young) 'AC/DC'
4. "Burnin' for You" (Buck Dharma, Richard Meltzer) 'Blue Öyster Cult'
5. "God of Thunder" (Paul Stanley) 'Kiss'
6. "sem título" (Rob Halford, K.K. Downing, Glenn Tipton) 'Judas Priest'
7. "Dead Babies" (Alice Cooper, Glen Buxton, Michael Bruce, Dennis Dunaway, Neal Smith) 'Alice Cooper'
8. "Cities on Flame with Rock and Roll" (Buck Dharma, Albert Bouchard, Sandy Pearlman) 'Blue Öyster Cult'
9. "It's a Long Way to the Top (If You Wanna Rock 'n' Roll)" (Bon Scott, Angus Young, Malcolm Young) 'AC/DC'
10. "Black Sabbath" (Ozzy Osbourne, Tony Iommi, Geezer Butler, Bill Ward) 'Black Sabbath'
11. "Hallowed Be Thy Name" (Steve Harris) 'Iron Maiden'


2002 - Tribute to the Gods




Depois da turnê e por causa dos atentados de 11 de setembro, Jon começou a trabalhar no novo albúm da banda, intitulado The Glorious Burden, ele teria como tema central a guerra civil norte-americana e outras datas importantes da história do país, conforme o trabalho no albúm progredia, surgiu a notícia de que Larry Tamowski estava deixando a banda, por motivos que permanceram nebulosos, tendo sido dito que o guitarrista ia se dedicar mais aos estudos, apesar de ser um excelente guitarrista e de grande futuro, mas na verdade ele saiu da banda porque queria contribuir mais com a banda usando composições próprias entre outras, o que não se encaixava no desejo de Jon Schaffer, para seu lugar foi chamado Ralph Santolla (ex-Death) apenas para ajudar com os solos de algumas músicas. Após praticamente todas as gravações estarem completas, Jon percebeu que os vocais de Barlow soavam diferentes, sem o entusiasmo e o feeling característicos do vocalista, Jon então concluiu que não poderia lançar o disco com esses vocais porque aquele não era o Barlow que os fãs gostariam de ouvir, Jon então, numa conversa franca com Barlow, descobriu que Barlow não sentia mais entusiasmo pelo heavy metal e que Barlow queria fazer algo diferente com sua vida, Barlow pretendia voltar a estudar e se graduar em direito civil, posi dizia que queria fazer algum bem à sociedade. Barlow então deixava a banda e Jon teve que cancelar o lançamento do disco e uma apresentação previamente agendada no Wacken Open Air 2003, para refletir sobre o futuro da banda dali em diante sem seu carismático vocalista.
No mesmo ano, um alívio para Jon Schaffer, era anunciado pela mídia especializada que Rob Halford estava voltando ao Judas Priest e consequentemente Tim "Ripper" Owens iria ser demitido, tudo aconteceu de forma amigável, com Tim dizendo que era grato aos ex-colegas do Priest pela chance e pelos anos passados juntos, Jon então ligou para Tim e lhe ofereceu a vaga de vocalista do Iced Earth e uma semana depois Owens já era o novo vocalista do Iced Earth, e eles começaram a regravação das faixas do último disco e finalmente foi lançado The Glorious Burden, e Tim também assumia seu "glorious burden".

1. The Star-Spangled Banner
2. Declaration Day
3. When the Eagle Cries
4. The Reckoning (Don't Tread on Me)
5. Attila
6. Red Baron / Blue Max
7. Hollow Man
8. Waterloo
9. Valley Forge
10. The Devil to Pay
11. Hold at All Costs
12. High Water Mark


2004 - The Glorious Burden




Quase uma década após seu início, Jon Schaffer decidiu continuar a história de Something Wicked, a canção dividida em três partes que fechava o disco Something Wicked This Way Comes, assim em 2007 é lançado Framing Armageddon, o primeiro albúm composto para a voz de "Ripper" Owens, já que Glorious Burden fora composto para a voz de Matthew Barlow.

1. Overture
2. Something Wicked (Part 1)
3. Invasion
4. Motivation of Man
5. Setian Massacre
6. A Charge to Keep
7. Reflections
8. Ten Thousand Strong
9. Execution
10. Order of the Rose
11. Cataclysm
12. The Clouding
13. Infiltrate and Assimilate
14. Retribution Through the Ages
15. Something Wicked (Part 2)
16. The Domino Decree
17. Framing Armageddon
18. When Stars Collide (Born is He)
19. The Awakening


2007 - Framing Armageddon




Em 2007 é anunciado que Matthew Barlow voltaria aos vocais do Iced Earth no disco de 2008, The Crucible Man, e em 5 de setembro de 2008 é lançado The Crucible Man, disco que encerra a trilogia Something Wicked. (E o pobre Tim fica deempregado de novo).

1. Sacred Flames
2. Behold the Wicked Child
3. Minions of the Watch
4. The Revealing
5. A Gift or a Curse
6. Crown of the Fallen
7. The Dimensional Gauntlet
8. I Walk Alone
9. Harbinger of Fate
10. Crucify the King
11. Sacrificial Kingdoms
12. Something Wicked (Part 3)
13. Divide and Devour
14. Come What May
15. Epilogue


2008 - The Crucible Man


Cannot the Kingdom of Salvation take me home? \,,/

12 fevereiro 2010

Marilyn Manson

Marilyn Manson é uma banda de rock americana fundada por Brian Warner e Scott Putesky, na cidade de Fort Lauderdale, Florida. A banda evoca não-conformismo e iconoclastia, frequentemente usando imagens e letras controversas. É difícil classificar a banda, contudo, conforme cada albúm vai sendo produzido, a banda vai desenvolvendo uma sonoridade própria e a banda e o vocalista esforçam-se para inventar e utilizar uma imagem única e estética da era de cada albúm. A banda foi formada em 1989 como Marilyn Manson & the Spooky Kids. As performances teatrais únicas da banda arrebanhou uma gama de seguidores cult locais, que mais tarde se desenvolveu em uma adoração mundial. O line-up da banda quase sempre muda entreos lançamentos dos albúns, o line-up atual conta com o epónimo vocalista Marilyn Manson, o baixista/guitarrista Twiggy Ramirez, o baterista Ginger Fish, o tecladista Chris Vrenna e o baixista ao vivo Andy Gerold.
A reputação de Marilyn Manson tem crescido sendo a banda agora considerada uma das mais conhecidas e controversas da música moderna; Isto se deve em parte ao epónimo vocalista Marilyn Manson - nascido Brian Warner - e seus frequentes conflitos com figuras políticas ou religiosas. O nome de cada membro da banda foi originalmente formado juntando o primeiro nome de um icônico sex simbol e o sobrenome de um icônico serial killer, feita para demonstrar a estranha dicotomia da sociedaed (sociedade americana em particular). Nos anos recentes, novos membros da banda têm fugido dessa fórmula e usado os próprios nomes. Os membros da banda se vestem e maquiam de maneira estranha, e intencionalmente se envolvem em comportamentos chocantes dentro e fora dos palcos. Suas letras frequentemente recebem críticas por seu sentimento anti-religioso e suas referências ao sexo, violência e drogas, as performances de Marilyn Manson são frequentemente chamadas de ofensivas e obscenas e mais de uma vez protestos e petições impediram a banda de se apresentar.
Conforme essa controvérsia começou a declinar, também declinou a popularidade mainstream da banda. A despeito disso, seus muitos fãs devotados tornaram Marilyn Manson uma banda consistente de alta patente, três dos albúns da banda receberam certificação de platina e outros três receberam de ouro, e a banda viu quatro de seus lançamentos figurarem no top 10, incluindo dois albúns número um.

Créditos pela Bio: Leo Vasconcellos

Créditos pelo Up: Tegeó


1994 - Portrait Of An American Family




01 - Prelude(Family Trip)
02 - Cake and Sodomy
03 - Lunchbox
04 - Organ Grinder
05 - Cyclops
06 - Dope Hate
07 - Get your Gunn
08 - Wrapped in Plastic
09 - Dogma
10 - Sweet Tooth
11 - Snake Eyes and Sissies
12 - My Monkey
13 - Misery Machine


Download Parte 1

Download Parte 2


1995 - Smells Like Children



01 - The Hands of Small Children
02 - Diary of a Dope Fiend
03 - Shitty Chicken Gang Bang
04 - Kiddie Grinder (Remix)
05 - Sympathy for the Parents
06 - Sweet Dreams (Are Made of This)
07 -Everlasting Cocksucker (Remix)
08 - Fuck Frankie
09 - I Put a Spell on You
10 - May Cause Discoloration of the Urine or Feces
11 - Scabs, Guns and Peanut Butter
12 - Dance of the Dope Hats (Remix)
13 - White Trash (Remixado por Tony F. Wiggins)
14 - Dancing with the One-Legged...
15 - Rock N Roll Nigger
16 - (Untitled)


Download Parte 1

Download Parte 2


1996 - Antichrist Superstar



01 - Irresponsible Hate Anthem
02 - The Beautiful People
03 - Dried up, Tied and Dead to the World
04 - Tourniquet
05 - Little Horn
06 - Cryporchid
07 - Deformography
08 - Wormboy
09 - Mister Superstar
10 - Angel With the Scabbed Wings
11 - Kinderfeld
12 - Antichrist Superstar
13 - 1996
14 - Minute of Decay
15 - Reflecting God
16 - Man That You Fear
99 - Untitled (Hidden Track)


Download Parte 1

Download Parte 2


1997 - Remix & Repent



01 - The Horrible People
02 - The Tourniquet Prosthetic Dance Mix
03 - Dried Up, Tied and Dead to the World (Live in Utica, NY)
04 - Antichrist Superstar (Live in Hartford, CT)
05 - Man That You Fear (Acoustic Requiem for Antichrist Superstar)


Download


1998 - Mechanical Animals



01 - Great Big White World
02 - The Dope Show
03 - Mechanical Animals
04 - Rock Is Dead
05 - Disassociative
06 - The Speed of Pain
07 - Posthuman
08 - I Want to Disappear
09 - I Don't Like the Drugs (But the Drugs Like Me)
10 - New Model No. 15
11 - User Friendly
12 - Fundamentally Loathsome
13 - The Last Day on Earth
14 - Coma White


Download Parte 1

Download Parte 2


1999 - The Last Tour On Earth



01 - Inauguration of the Mechanical Christ
02 - The Reflecting God
03 - Great Big White World
04 - Get Your Gunn
05 - Sweet Dreams (Are Made Of This)/Hell Outro
06 - Rock Is Dead
07 - The Dope Show
08 - Lunchbox
09 - I Don't Like The Drugs (But The Drugs Like Me)
10 - Antichrist Superstar
11 - The Beautiful People
12 - Irresponsible Hate Anthem
13 - The Last Day On Earth
14 - Astonishing Panorama Of The Endtimes


Download Parte 1

Download Parte 2


2000 - Holy Wood (In The Shadow Of The Valley Of Death)




01 - Godeatgod
02 - The Love Song
03 - The Fight Song
04 - Disposable Teens
05 - Target Audience (Narcissus Narcosis)
06 - 'President Dead'
07 - In The Shadow Of The Valley Of Death
08 - Cruci-Fiction In Space
09 - A Place In The Dirt
10 - The Nobodies
11 - The Death Song
12 - Lamb Of God
13 - Born Again
14 - Burning Flag
15 - Coma Black: A. Eden Eye B. The Apple Of Discord
16 - Valentine's Day
17 - The Fall Of Adam
18 - King Kill 33
19 - Count To Six And Die (The Vaccuum Of Infinite Space Encompassing)


Download Parte 1

Download Parte 2


2003 - The Golden Age Of Grotesque



01 - Intro 
02 - This Is the New Shit
03 - Mobscene
04 - Doll-Dagga Buzz-Buzz Ziggety-Zag
05 - Use Your Fist and Not Your Mouth
06 - Golden Age of Grotesque, The
07 - (s)Aint
08 - Ka-Boom Ka-Boom
09 - Slutgarden
10 - Spade
11 - Para-Noir
12 - Bright Young Things, The
13 - Better of Two Evils
14 - Vodevil
15 - Obsequey (The Death of Art)
16 - Tainted Love


Download Parte 1

Download Parte 2


2004 - Lest We Forget (The Best Of)



01 - Love Song
02 - Personal Jesus
03 - Mobscene
04 - Fight Song
05 - Tainted Love
06 - Dope Show
07 - This Is The New Shit
08 - Disposable Teens
09 - Sweet Dreams (Are Made Of This)
10 - Lunchbox
11 - Tourniquet
12 - Rock Is Dead
13 - Get Your Gunn
14 - Nobodies
15 - Long Hard Road Out Of Hell
16 - Beautiful People
17 - Reflecting God


Download


2007 - Eat Me, Drink Me




01 - If I Was Your Vampire
02 - Putting Holes in Happiness
03 - The Red Carpet Grave
04 - They Said That Hell's Not Hot
05 - Just a Car Crash Away
06 - Heart-Shaped Glasses (When the Heart Guides the Hand)
07 - Evidence
08 - Are You the Rabbit?
09 - Mutilation Is the Most Sincere Form of Flattery
10 - You and Me and the Devil Makes 3
11 - Eat Me, Drink Me
12 - Heart-Shaped Glasses (When The Heart Guides The Hand) (Inhuman Remix By Jade E Puget) (Bonus Track)


Download Parte 1

Download Parte 2


2009 - The High End Of Low




CD 1
01 - Devour
02 - Pretty as a Swastika
03 - Leave a Scar
04 - Four Rusted Horses
05 - Arma-goddamn-motherfuckin-geddon
06 - Blank and White
07 - Running to the Edge of the World
08 - I Want to Kill You Like They Do in the Movies
09 - WOW
10 - Wight Spider
11 - Unkillable Monster
12 - We’re from America
13 - I Have to Look Up Just to See Hell
14 - Into the Fire
15 - 15

CD2
01 - Arma-goddn-motherfkin-geddon (Teddy Bears Remix)
02 - Leave A Scar (Alternate Version)
03 - Running To The Edge Of The World (Alternate Version)
04 - Wight Spider (Alternate Version)
05 - Four Rusted Horses (Opening Titles Version)
06 - I Have To Look Up Just To See Hell (Alternate Version)
07 - Into The Fire (Alternate Version)


Download Parte 1

Download Parte 2



PS: Em tempo, a história de que Marilyn Manson foi na infância Paul Pfeifer, da série Anos Incríveis, não passa de um boato.

06 fevereiro 2010

MetallicA - Shows de 2010 no Brasil

Live In Porto Alegre - 28/01



01 - Creeping Death
02 - For Whom The Bell Tolls
03 - Ride The Lightning
04 - The Memory Remains
05 - Fade To Black
06 - That Was Just Your Life
07 - The End Of The Line
08 - The Day That Never Comes
09 - Sad But True
10 - Cyanide
11 - One
12 - Master Of Puppets
13 - Battery
14 - Kirk Solo
15 - Nothing Else Matters
16 - Enter Sandman
17 - Encore Jam
18 - Die, Die My Darling
19 - Phantom Lord
20 - Seek and Destroy


Download


Live in Garoa's Land 30/01

Live In São Paulo 30/01



01 - Creeping Death
02 - For Whom The Bell Tolls
03 - The Four Horsemen
04 - Harvester Of Sorrow
05 - Fade To Black
06 - That Was Just Your Life
07 - The End Of The Line
08 - The Day That Never Comes
09 - Sad But True
10 - Broken, Beat and Scarred
11 - One
12 - Master Of Puppets
13 - Blackened
14 - Kirk Solo
15 - Nothing Else Matters
16 - Enter Sandman
17 - Encore Jam
18 - Stone Cold Crazy
19 - Motorbreath
20 - Seek and Destroy


Download Parte 1

Download Parte 2


Live In São Paulo 31/01


01 - Creeping Death
02 - Ride The Lightning
03 - Fuel
04 - Sad But True
05 - The Unforgiven
06 - That Was Just Your Life
07 - The End Of The Line
08 - Welcome Home (Sanitarium)
09 - Cyanide
10 - My Apocalypse
11 - One
12 - Master Of Puppets
13 - Fight Fire With Fire
14 - Kirk Solo
15 - Nothing Else Matters
16 - Enter Sandman
17 - Encore Jam
18 - Helpless
19 - Hit The Lights
20 - Seek and Destroy


Download